Morre, aos 72 anos, o jornalista Claudio Weber Abramo

O jornalista Cláudio Weber Abramo, vice-presidente da ONG Transparência Brasil, morreu neste domingo, aos 72 anos; Weber Abramo estava internado no Hospital Samaritano e não resistiu às complicações decorrentes de um câncer; ele deixa mulher, quatro filhos, seis netos e uma enteada. O velório será nesta segunda-feira, 13, na Funeral Home

Morre, aos 72 anos, o jornalista Claudio Weber Abramo
Morre, aos 72 anos, o jornalista Claudio Weber Abramo

247 - O jornalista Cláudio Weber Abramo, vice-presidente da ONG Transparência Brasil, morreu neste domingo, aos 72 anos. Weber Abramo estava internado no Hospital Samaritano e não resistiu às complicações decorrentes de um câncer. Ele deixa mulher, quatro filhos, seis netos e uma enteada. O velório será nesta segunda-feira, 13, na Funeral Home.  

"Bacharel em matemática pela USP e mestre em filosofia da ciência pela Unicamp, Claudio Weber Abramo era uma das principais referências no jornalismo de dados, combate à corrupção e pela integridade das instituições públicas. Foi um dos mais importantes articuladores para a elaboração da Lei de Acesso à Informação (LAI), aprovada em 2011.

Claudio Weber Abramo também foi responsável pela criação de ferramentas online pioneiras que ajudaram jornalistas a trabalhar melhor com dados públicos. Entre elas estão o Às Claras, que reúnia dados sobre doações e gastos de campanhas de candidatos a cargos eletivos, e o Excelências, ferramenta que reúne informações sobre a atuação dos congressistas, como votações, presença em sessões, bens declarados e processos na Justiça dos quais são alvo - que ganhou o Premio Esso de Jornalismo de 2006." 

Leia mais aqui

 

Conheça a TV 247

Mais de Brasil

Ao vivo na TV 247 Youtube 247