Mourão diz que Queiroz é um “excelente soldado", mas deve responder pelas acusações

Mourão disse que Queiroz já foi seu motorista, mas saiu em defesa de Bolsonaro ao tentar isentar o clã de envolvimento do caso das rachadinhas e dizer que o ex-assessor deve responder pelas acusações

Hamilton Mourão
Hamilton Mourão (Foto: Romério Cunha/VPR)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Em entrevista à CNN Brasil, o vice-presidente da República, general Hamilton Mourão, afirmou nesta segunda-feira (22) que o ex-assessor de Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ), Fabrício Queiroz, preso na última semana, também já foi seu motorista e aproveitou para elogiá-lo.

“O Queiroz foi meu soldado no ano de 1987, no 8º Grupo de Artilharia de Campanha Paraquedista” disse Mourão em entrevista à CNN Brasil. “Excelente soldado. Ele foi meu motorista da minha viatura, no meu jipe.”

Acusado de ser operador financeiro do esquema de rachadinha no gabinete de Flávio Bolsonaro na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro, Queiroz foi preso na semana passada na casa do advogado de Flávio, em Atibaia.

Mourão também saiu em defesa de Bolsonaro ao tentar isentar o clã de envolvimento do caso e dizer que Queiroz deve responder pelas acusações sozinho, apesar das investigações apontarem para a participação de Flávio. 

“O presidente Bolsonaro se manifestou desde o começo do ano passado e deixou claro que quem errou terá que pagar. Então, essa é uma investigação que está sendo conduzida pelo MP do estado do Rio de Janeiro, o Queiroz tem que responder pelas, vamos dizer assim, pelas acusações que estão sendo feitas a ele, e é um processo que tá correndo, então vamos aguardar que isso chegue ao seu ponto final”, declarou Mourão.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247