MPF abre inquérito para investigar baixa execução do orçamento do ministério de Damares Alves

A portaria de instauração afirma que apenas 44% do orçamento do Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos previsto para 2020 foi executado

www.brasil247.com - Damares Alves
Damares Alves (Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil)


247 - O Ministério Público Federal (MPF) abriu um inquérito para investigar a baixa utilização do orçamento do Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos, comandado por Damares Alves. A informação é do jornalista Lauro Jardim, do Globo. 

A portaria de instauração afirma que apenas 44% do orçamento previsto para 2020 foi executado, gerando possível impacto em políticas de igualdade e programas de combate à violência contra a mulher. 

A Secretaria de Políticas Nacionais para Mulheres, por exemplo, pagou menos da metade do valor autorizado para 2020, informa o jornalista.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Segundo dados do Portal da Transparência, em 2021, a pasta executou apenas R$ 109,3 milhões dos R$ 618,6 milhões de orçamento -- ou seja, 17,6%. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email