MPF oferece duas novas denúncias contra Temer no âmbito da Operação Greenfield

MPF apresentou mais duas ações na esfera criminal contra o ex-presidente Michel Temer no âmbito da Operação Greenfield, em função do episódio gravado pelo empresário Joesley Batista, do grupo J&F, no Palácio do Jaburu, e pelo chamado "quadrilhão do MDB"; Temer foi acusado pela prática dos crimes de organização criminosa e embaraços à investigação; uma das denúncias também alcança os ex-ministros Eliseu Padilha e Moreira Franco

MPF oferece duas novas denúncias contra Temer no âmbito da Operação Greenfield
MPF oferece duas novas denúncias contra Temer no âmbito da Operação Greenfield (Foto: REUTERS/Adriano Machado)

247 - O ministério Púbico Federal (MPF) ratificou as duas ações na esfera criminal contra o ex-presidente Michel Temer no âmbito da Operação Greenfield em função do episódio gravado pelo empresário Joesley Batista, do grupo J&F, no Palácio do Jaburu, pelo chamado "quadrilhão do MDB". Temer foi acusado pela prática dos crimes de organização criminosa e embaraços à investigação. Uma das denúncias também alcança os ex-ministros da Casa Civil e de Minas e Energia, Eliseu Padilha e Moreira Franco, respectivamente.

Na denúncia sobre causar embaraços à investigação, Temer é acusado de tentar usar Joesley Batista a pagar, por meio do ex-executivo da J&F Ricardo Saud, propinas ao doleiro Lúcio Funaro para evitar que ele fechasse um acordo de delação premiada com o MPF. Na ocasião, Temer foi gravado por Joesley e a frase utilizada por ele – "tem que manter isso, viu" – ficou conhecida nacionalmente.

A denúncia sobre o quadrilhão do MDB, foi oferecida em 2017 pelo então procurador-geral da República, Rodrigo Janot. O processo, porém, estava suspenso devido ao fato de não ter sido autorizado pela Câmara dos Deputados. Com o fim do mandato presidencial, contudo, a denúncia foi enviada à 1ª instância judicial.

Com a ação do MPF, Temer responde a seis denúncias desde que perdeu a prerrogativa do foro privilegiado. Os outros quatro processos estão ligados às investigações da Operação Lava Jato.

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247