“Negligência genocida de Bolsonaro soma-se à incapacidade gerencial”, diz vice-líder do PCdoB sobre a pandemia

"Bolsonaro não conseguiu combater os efeitos da pandemia em nenhuma de suas graves consequências. Nem preservou CPFs nem tampouco CNPJs", disse o vice-líder do PCdoB na Câmara, Márcio Jerry. "À negligência genocida soma-se a incapacidade gerencial”, completou

Jair Bolsonaro gesticula para apoiadores no Palácio da Alvorada, em Brasília
Jair Bolsonaro gesticula para apoiadores no Palácio da Alvorada, em Brasília (Foto: REUTERS/Adriano Machado)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Revista Fórum - O deputado federal Márcio Jerry (PCdoB-MA) afirmou nesta quarta-feira (29) que a “negligência genocida” de Jair Bolsonaro (sem partido) somada à “incapacidade gerencial” do presidente agravaram os graves efeitos da pandemia do coronavírus no Brasil.

“Bolsonaro não conseguiu combater os efeitos da pandemia em nenhuma de suas graves consequências. Nem preservou CPFs nem tampouco CNPJs. Nem as pessoas nem as empresas. Também não cuidou de fortalecer rede de atendimento. À negligência genocida soma-se a incapacidade gerencial”, declarou Márcio Jerry, vice-líder do partido na Câmara dos Deputados.

Pouco mais de cinco meses desde a confirmação do primeiro caso da doença no país, o Brasil já contabiliza 88.612 mortes e quase 2,5 milhões de infectados pela doença, além de padecer sobre os efeitos de uma grave crise econômica, que já contabiliza 12,7 milhões de desempregados, de acordo com a última Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad).

Leia a íntegra na revista Fórum. 

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo APOIA.se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247