Odebrecht anuncia calote de R$ 500 milhões nos credores

Depois da destruição das construtoras nacionais, os impactos econômicos da Lava-Jato chegam ao setor financeiro; a Odebrecht Engenharia e Construção anunciou que não pagará no prazo a dívida de R$ 500 milhões com credores internacionais; a empresa soltou uma nota dizendo que vai usar parte dos 30 dias de carência a que tem direito antes de ser considerada inadimplente para concluir negociações de novo empréstimo com bancos; o valor será usado para pagar a dívida e honrar outros pagamentos

The corporate logo of Odebrecht is seen in a construction site in Caracas, Venezuela January 26, 2017. REUTERS/Carlos Garcia Rawlins
The corporate logo of Odebrecht is seen in a construction site in Caracas, Venezuela January 26, 2017. REUTERS/Carlos Garcia Rawlins (Foto: Gustavo Conde)

247 - Depois da destruição das construtoras nacionais, os impactos econômicos da Lava-Jato chegam ao setor financeiro. A Odebrecht Engenharia e Construção anunciou que não pagará no prazo a dívida de R$ 500 milhões com credores internacionais. A empresa soltou uma nota dizendo que vai usar parte dos 30 dias de carência a que tem direito antes de ser considerada inadimplente para concluir negociações de novo empréstimo com bancos. O valor será usado para pagar a dívida e honrar outros pagamentos. 

Se não conseguir chegar a um acordo dentro do período de carência, a empresa entrará oficialmente em processo de default (calote). Isso permitiria que outros credores solicitassem a antecipação do pagamento da dívida e a Odebrecht não teria como pagar a todos – a dívida da empresa chega a R$ 11 bilhões. 

Leia mais aqui.

Conheça a TV 247

Mais de Brasil

Ao vivo na TV 247 Youtube 247