Pai sem habilitação mata filho de 9 anos com jet ski

A criana e um primo de 14 anos estavam em uma boia nutica, que era puxada pela mquina, na represa Billings. Em uma manobra brusca de Antonio Edivan Moreira de Carvalho, 40, o garoto, filho nico, bateu a cabea numa pilastra de concreto e teve traumatismo craniano

Pai sem habilitação mata filho de 9 anos com jet ski
Pai sem habilitação mata filho de 9 anos com jet ski (Foto: DANIEL TEIXEIRA/AGÊNCIA ESTADO)

247 - O pai do garoto de nove anos que morreu na tarde deste domingo durante um passeio de jet ski, na represa Billings, em Ribeirão Pires (Grande São Paulo), não tinha autorização para conduzir o aparelho.

O estudante Mitchill Guilherme Pereira de Carvalho, 9, e um primo de 14 anos estavam em uma boia náutica, que era puxada por um jet ski, conduzido pelo pai do garoto, o coordenador de transportes Antonio Edivan Moreira de Carvalho, 40.

O pai do menino tentou fazer uma manobra brusca, o garoto bateu a cabeça numa pilastra de concreto e teve traumatismo craniano. O menino chegou a ser socorrido a um Hospital de Ribeirão Pires, mas não resistiu.

O pai da vítima admitiu aos policiais que não tinha autorização para pilotar o jet ski. O aparelho foi comprado em 2008, em sociedade com um amigo.

Carvalho foi preso em flagrante por homicídio culposo e deve ser liberado após o pagamento de uma fiança R$ 630.

Ao soldado Eduardo Silva de Andrade, o pai disse que quando percebeu que a boia estava sem controle, chegou a desligar o aparelho, mas não houve tempo de evitar o choque.

A mãe do menino, Márcia Pereira dos Santos, disse aos policiais que o menino era seu único filho e, devido às complicações do parto, ela não pode mais engravidar. (Folha)

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247