Para ministro, Bolsonaro está menos agressivo: não pode dar "doce na boca dos adversários"

Mesmo após Jair Bolsonaro ameaçar "encher de porrada" a boca de um repórter, o ministro das Comunicações, Fábio Faria, disse que vê o seu chefe com um estilo menos agressivo. "Parar de brigar não significa se compor com ninguém. Pelo contrário, significa parar de dar doce na boca dos adversários", afirmou

Fábio Faria, ministro das Comunicações
Fábio Faria, ministro das Comunicações (Foto: Carolina Antunes - PR)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O ministro das Comunicações, Fábio Faria, sugeriu no Twitter que Jair Bolsonaro tem adotado um estilo menos agressivo em relação aos adversários políticos para não dar munição a enxurrada de críticas, o que pode afetar a governabilidade e a popularidade dele. 

"Aviso aos desavisados: parar de brigar não significa se compor com ninguém. Pelo contrário, significa parar de dar doce na boca dos adversários", escreveu o titular da pasta no Twitter. 

"Eh isso!! Cada um joga na sua posição de acordo com a escalação do nosso presidente!! O Brasil percebendo mais as realizações do governo. O Pr crescendo e impondo sua agenda de campanha.  Vamos em frente e venceremos todas as batalhas!!", acrescentou.


A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247