Petra Costa e a metáfora perfeita para Bolsonaro: demitiu Mandetta porque era voltado à vida

Cineasta Petra Costa, indicada ao Oscar 2020 de melhor documentário, por “Democracia em Vertigem”, observa que a frase “é uma metáfora perfeita desse governo. O presidente, sabemos, é ‘voltado para a questão da morte’”

(Foto: Reprodução | PR)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Revista Fórum - A cineasta Petra Costa, indicada ao Oscar 2020 de melhor documentário, por “Democracia em Vertigem”, chamou a atenção, em sua conta do Twitter, nesta sexta-feira (17), para as justificativas do presidente Jair Bolsonaro (Sem Partido-RJ) para demitir o então ministro da Saúde, Henrique Mandetta.

Petra lembra que, segundo palavras do próprio presidente, demitiu Mandetta porque “‘a linha dele… era voltada quase exclusivamente para a questão da vida’ e isso ‘não afinava com a ideia do presidente’”.

A cineasta afirma que a frase “é uma metáfora perfeita desse governo. O presidente, sabemos, é ‘voltado para a questão da morte’”, completa

Leia a íntegra na Fórum. 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247