PF faz buscas na casa de Blairo Maggi, chefe de quadrilha segundo o MP e ministro de Temer

A Polícia Federal realiza, nesta manhã, buscas na casa do ministro da Agricultura, Blairo Maggi, apontado como chefe de quadrilha após denúncia do ex-governador de Mato Grosso, Silval Barbosa; mesmo após o escândalo, Michel Temer, denunciado por corrupção, decidiu mantê-lo no cargo; ao todo, estão sendo cumpridos mandados em 64 endereços, em dois estados e na capital federal

temer 
blairo maggi
temer  blairo maggi (Foto: Leonardo Attuch)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – Polícia Federal (PF) cumpriu na manhã desta quinta-feira (14) mandado de busca e apreensão no apartamento ex-governador de Mato Grosso e atual ministro da Agricultura, Blairo Maggi (PP), na Asa Sul, em Brasília. Policiais federais também fizeram diligências nesta manhã em São Paulo e no Mato Grosso.

Os mandados de busca fazem parte da Operação Malebolge, 12ª fase da Ararath, que desmantelou um esquema de corrupção em Mato Grosso. As ordens judiciais foram expedidas pelo ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF), a pedido da Procuradoria Geral da República (PGR).

Ao todo, estão sendo cumpridos mandados em 64 endereços, em dois estados e na capital federal. Em Mato Grosso, há diligências em nove municípios: Cuiabá, Rondonópolis, Primavera do Leste, Araputanga, Pontes e Lacerda, Tangará da Serra, Juara, Sorriso e Sinop.

 

Leia, abaixo, reportagem recente do 247 sobre o caso:

TEMER DEVE MANTER BLAIRO, CHEFE DE QUADRILHA, SEGUNDO O MP, NO CARGO

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247