PGR diz ser contrária a processo do triplex ir para Justiça Eleitoral

PGR se manifestou, por meio de um parecer assinado pela subprocuradora-geral da República Aurea Maria Pierre, de forma contrária a um pedido feito pela defesa do ex-presidente Lula para que o processo contra ele sobre o triplex do Guarujá seja enviado para a Justiça Eleitoral; em sua manifestação enviada ao STJ, Aurea se posicionou pelo "não deslocamento de competência para a Justiça Eleitoral"; STJ esperava um posicionamento da PGR para marcar a data do julgamento que decidirá se o ex-presidente Lula poderá ser transferido para o regime domiciliar

PGR diz ser contrária a processo do triplex ir para Justiça Eleitoral
PGR diz ser contrária a processo do triplex ir para Justiça Eleitoral

247 - A Procuradoria-Geral da República se manifestou, por meio de um parecer assinado pela subprocuradora-geral da República Aurea Maria Pierre, de forma contrária a um pedido feito pela defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para que o processo contra ele sobre o triplex do Guarujá seja enviado para a Justiça Eleitoral.

Em sua manifestação, enviada nesta terça-feira (9) ao Superior Tribunal de Justiça (STJ), Aurea se posicionou pelo "não deslocamento de competência para a Justiça Eleitoral", uma vez que "não está configurada hipótese a justificar a prevalência de competência da Justiça Eleitoral", diz o blog da jornalista Bela Megale, de O Globo.

O STJ esperava um posicionamento da PGR para marcar a data do julgamento que decidirá se o ex-presidente Lula poderá deixar a prisão política a que está submetido em Curitiba para o regime de prisão domiciliar.

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247