Policiais chilenos cheiram cocaína nas ruas antes de reprimir protestos (vídeo)

Em vídeo chocante, policiais chilenos cheiram cocaína como "estimulante" para atacarem com violência as pessoas que protestam no páis contra as políticas do governo Piñera. 11 pessoas já morreram no país por conta da violência policial. Assista ao vídeo

247 - Desde o final da semana retrasado, o Chile vive uma convulsão popular contra o aumento de tarifas de transporte e também para reivindicar um basta às políticas de austeridade aplicadas pelo governo de Sebastián Piñera, que declarou que o país "está em guerra". 

A resposta do Estado para a manifestação democrática foi a repressão. Em um vídeo que viralizou nas redes sociais, policiais cheiram cocaína como "estimulante" para promoverem a onda de violência que causou a morte de 11 civis. 

Assista: 

O Grupo de Puebla, formado por lideranças progressistas da América Latina, lançou nesto domingo (20) uma declaração solicitando o fim da violência no Chile e a não criminalização de protestos. Leia mais aqui

O ativista Felipe Parada, do partido Comunes, que  faz parte da Frente Ampla, denunciou a repressão e disse que Piñera não vai parar os protestos. “Milhares ainda chegam, apesar da excessiva repreensão. O Chile acordou, essa luta pela dignidade do povo ninguém vai parar. Se pode, o povo unido jamais será vencido!”, informou o Portal Forum

Ao vivo na TV 247 Youtube 247