População rejeita todas as propostas de Temer

Levantamento realizado pelo instituto Paraná Pesquisas a pedido do 247 revela que 59,5% da população são contra a abertura do pré-sal, já defendida pelo presidente da Petrobras no dia em que tomou posse, 56,1% não concordam com a PEC que propõe o limite de gastos públicos, incluindo saúde e educação, e 79% rejeitam a reforma da Previdência, que de acordo com o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, deve sair em até dois meses; pesquisa foi feita entre os dias 11 e 14 de junho

Levantamento realizado pelo instituto Paraná Pesquisas a pedido do 247 revela que 59,5% da população são contra a abertura do pré-sal, já defendida pelo presidente da Petrobras no dia em que tomou posse, 56,1% não concordam com a PEC que propõe o limite de gastos públicos, incluindo saúde e educação, e 79% rejeitam a reforma da Previdência, que de acordo com o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, deve sair em até dois meses; pesquisa foi feita entre os dias 11 e 14 de junho
Levantamento realizado pelo instituto Paraná Pesquisas a pedido do 247 revela que 59,5% da população são contra a abertura do pré-sal, já defendida pelo presidente da Petrobras no dia em que tomou posse, 56,1% não concordam com a PEC que propõe o limite de gastos públicos, incluindo saúde e educação, e 79% rejeitam a reforma da Previdência, que de acordo com o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, deve sair em até dois meses; pesquisa foi feita entre os dias 11 e 14 de junho (Foto: Gisele Federicce)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – Levantamento realizado pelo instituto Paraná Pesquisas a pedido do Brasil 247 aponta rejeição da população às principais propostas anunciadas até o momento pelo governo interino de Michel Temer.

Foram feitas perguntas sobre três medidas específicas aos 2.004 eleitores entrevistados em 162 municípios do País entre 11 e 14 de junho: a abertura do pré-sal, a proposta que coloca um teto para os gastos públicos e a reforma da Previdência.

De acordo com a amostra, 59,5% dos brasileiros são contra mudar a regra de exploração do pré-sal para que empresas estrangeiras também possam participar do negócio, e não só a Petrobras. A favor da medida estão 28,5%.

Quanto à Proposta de Emenda Constitucional (PEC) enviada essa semana ao Congresso que propõe o limite de gastos públicos, incluindo saúde e educação, 56,1% se dizem contra, ante 38,5% que responderam ser favoráveis.

Já sobre a reforma da Previdência, expressivos 79% afirmam ser contra a ideia de se aposentar mais tarde. Nesta sexta-feira, o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, disse que uma proposta da reforma previdenciária deve sair em até dois meses.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247