Prefeito de Belém se reúne com embaixador de Cuba para tratar de aquisição de vacinas

A ilha socialista tem dois imunizantes contra a Covid-19 em fase final de testes. Além da aquisição das vacinas, Edmilson Rodrigues (PSOL) iniciou a articulação de um acordo de cooperação entre Belém e Havana para diferentes áreas

Rolando Antonio Gómes Gonzáles e Edmilson Rodrigues
Rolando Antonio Gómes Gonzáles e Edmilson Rodrigues (Foto: Reprodução/Twitter)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Revista Fórum - O prefeito de Belém, Edmilson Rodrigues (PSOL), esteve em Brasília nesta sexta-feira (7) para uma reunião com o embaixador de Cuba, Rolando Antonio Gómes Gonzáles, em que discutiu o interesse de sua cidade em adquirir as vacinas contra a Covid-19 que a ilha socialista vem desenvolvendo.

Atualmente, Cuba conta com duas vacinas em fase avançada de estudos: a Soberana 2 e a Abdala. Ambas estão na fase 3 de testes clínicos e, nos próximos dias, os imunizantes serão aplicados em 1,8 milhões de pessoas em Havana como parte de um procedimento de testagem massiva.

“Reunião, nesta manhã em Brasília, com o embaixador de Cuba, Rolando Antonio Gómes Gonzáles, para tratar da aquisição de vacinas produzidas pelo país. Estamos buscando todas as possibilidades de vacinas para acelerar a vacinação e salvar vidas. Essa deve ser a prioridade”, escreveu Edmilson Rodrigues em suas redes sociais ao divulgar a reunião.

Leia mais na Fórum.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

Apoie o 247

WhatsApp Facebook Twitter Email