Presidente alerta para segurança nas estradas neste final de ano

Durante evento no Rio Grande do Sul, onde inaugurou a BR-448, presidente lembra de que "segurança no trânsito nas cidades e rodovias deve ser preocupação ainda maior nesse período de festas" e ressalta que seu governo está "focado na fiscalização das rodovias pra diminuir acidentes e mortes" e na operação RodoVida

Porto Alegre - RS, 20/12/2013. Presidenta Dilma Rousseff durante cerimônia de inauguração da BR 448/RS. Foto: Roberto Stuckert Filho/PR
Porto Alegre - RS, 20/12/2013. Presidenta Dilma Rousseff durante cerimônia de inauguração da BR 448/RS. Foto: Roberto Stuckert Filho/PR (Foto: Gisele Federicce)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Blog do Planalto - Durante o evento de inauguração da BR-448, a presidenta Dilma fez um apelo para que todos zelem pela segurança no trânsito nas cidades e rodovias durante o período de festas, férias e carnaval. Ela destacou o lançamento da Operação RodoVida pelo governo federal, que tem como objetivo reduzir a gravidade dos acidentes de trânsito e o número de vítimas fatais.

"Uma lembrança, que é aproveitando a imprensa, falando pra todo o Brasil, que é lembrar todos os brasileiros e brasileiras de que segurança no trânsito nas cidades e rodovias deve ser preocupação ainda maior nesse período de festas. Queremos que essas festas de fim de ano, férias e carnaval sejam, para todos, datas a serem lembradas com muitos sorrisos e alegria. Lançamos pelo 3º ano consecutivo a Operação RodoVida. [...] No Brasil, em todo Brasil isso ocorre. Estamos focados na fiscalização das rodovias pra diminuir acidentes e mortes. Meu governo está engajado na operação RodoVida. Convido a todos a participarem também, se comprometendo com práticas de direção seguras nas cidades e rodovias. Vamos juntos preservar vidas e garantir que as festas sejam motivo de celebração".

A operação Rodovida foi lançada na quinta-feira (19) pelo governo federal e termina em março de 2014, e é baseada em um diagnóstico feito pela Polícia Rodoviária Federal que detectou os 100 trechos mais perigosos das rodovias federais e seus respectivos índices de possíveis acidentes. A atuação de fiscalização integrada será empregada com a realização de blitz em vias que servem de acesso a esses trechos. Desde o início da operação, a taxa de mortes por milhão de veículos diminuiu 24,5%, apesar da frota de veículos ter aumentado 17,5%.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247