Promotores e procuradores realizam atos contra a PEC que tira poderes do MP

PEC muda a composição do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP), ampliando os poderes de parlamentares sobre o MP

Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP)
Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) (Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado)
Siga o Brasil 247 no Google News

247 - Ao menos 18 estados confirmaram a realização, nesta quarta-feira (13), de manifestações de procuradores e promotores contra a PEC que muda a composição do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP), ampliando os poderes de parlamentares sobre o MP.

Os integrantes do MP querem barrar a votação no Congresso da PEC da Vingança, como está sendo chamada pelos profissionais. 

O objetivo é convocar a sociedade civil para o debate sobre a medida que é vista como uma forma de retaliação da classe política contra investigações conduzidas pelo MP, informa a Revista Crusoé.

PUBLICIDADE

“É um duro golpe na independência dos membros do Ministério Público. E, sem independência, não vamos poder combater a criminalidade, o crime organizado, a corrupção ou defender o patrimônio público”, afirma o presidente da Conamp, Manoel Murrieta. 

A mobilização é organizada pela Associação Nacional de Membros do Ministério Público, a Conamp, e pela Associação Nacional de Procuradores-Gerais. Na próxima segunda-feira, 18, as entidades pretendem organizar um grande ato unificado.

PUBLICIDADE

A medida apoiada por deputados bolsonaristas, serve para que parlamentares possam usar o CNMP para perseguir investigadores, já que o conselho julga processos administrativos disciplinares contra promotores e procuradores. 

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email