PSB pede que filiados evitem participar de manifestações por temor da Covid-19 e de repressão pelo governo

Em nota, o presidente do PSB, Calos Siqueira, afirma que a decisão está ligada ao risco de contaminação dos manifestantes pelo novo coronavírus e pelo risco do governo Jair Bolsonaro se aproveitar dos protestos para adotar medidas de exceção

Somos pela democracia, protesto antifascista em São Paulo
Somos pela democracia, protesto antifascista em São Paulo (Foto: Pam Santos/Fotos Públicas)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A direção nacional do PSB está solicitando que os seus filiados e apoiadores evitem participar das manifestações em defesa da democracia e contra o governo Jair Bolsonaro marcadas para o próximo domingo (7). 

Em uma nota intitulada “Ainda não é hora de tomar as ruas", o presidente do PSB, Calos Siqueira, afirma que a decisão da legenda está ligada ao risco de contaminação dos manifestantes pelo novo coronavírus e pelo risco de o governo Bolsonaro se aproveitar dos protestos para adotar uma reação mais radical. 

Segundo reportagem da coluna Painel, do jornal folha de S. Paulo, o PSB avalia que a concentração de manifestantes pode ampliar a contaminação "diante da flagrante fragilidade da atenção à saúde”, além de alertar para o risco de que pessoas das possam favorecer "repressão proporcional aos movimentos" e também "uma reação governamental, que pode implicar o uso de medidas de exceção, o que este governo autoritário demonstra ser de seu interesse".

"Para vencer neste momento delicado da vida política nacional, o campo democrático deve ser o mais amplo possível e articular estratégias próprias, evitando cair nas armadilhas que propõem os defensores do arbítrio. Neste momento eles desejam disseminar a desordem, e nós precisamos, ao contrário, da serenidade firme e do comedimento dos que sabem que são maioria", finaliza a nota.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email