PSOL tenta barrar Força Nacional em protestos pela educação

O partido apresentou nesta quinta-feira (08) um projeto de decreto legislativo para sustar a portaria 686 do Ministério de Justiça e Segurança Pública que coloca a Força Nacional para reprimir protestos pela educação

PSOL tenta barrar Força Nacional de protestos pela educação
PSOL tenta barrar Força Nacional de protestos pela educação

247 - O PSOL apresentou nesta quinta-feira (08) um projeto de decreto legislativo para sustar a portaria 686 do Ministério da Justiça e Segurança Pública que autoriza o uso da Força Nacional contra os protestos pela Educação marcados para os dias 07, 12 e 13.

O líder da bancada do PSOL, Ivan Valente, apresentou o projeto de decreto que argumenta que a medida de Sérgio Moro tem a finalidade de "perseguir politicamente os estudantes, professores e movimentos sociais, assim como qualquer cidadão que exerça seu direito democrático legítimo de fazer oposição ao governo Bolsonaro. É mais um abuso de poder do governo Bolsonaro a serviço de mais uma causa autoritária".

As manifestações que acontecerão em todo o Brasil são contra cortes no orçamento da educação e contra a privatização do ensino público superior. Os protestos de agosto dão continuidade aos protestos que levaram milhares de pessoas às ruas em maio deste ano.

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247