Rapaz de 29 anos tira a própria vida por falta de emprego e dívidas

Caso é o segundo na região de Jundiaí em menos de uma semana; após procurar emprego por vários meses e se encontrar endividado, rapaz de 29 anos tirou a própria vida; O corpo do jovem foi encontrado pela namorada, no apartamento dele, na manhã desta quarta-feira

Caso é o segundo na região de Jundiaí em menos de uma semana; após procurar emprego por vários meses e se encontrar endividado, rapaz de 29 anos tirou a própria vida; O corpo do jovem foi encontrado pela namorada, no apartamento dele, na manhã desta quarta-feira
Caso é o segundo na região de Jundiaí em menos de uma semana; após procurar emprego por vários meses e se encontrar endividado, rapaz de 29 anos tirou a própria vida; O corpo do jovem foi encontrado pela namorada, no apartamento dele, na manhã desta quarta-feira (Foto: Charles Nisz)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Revista Fórum - Um rapaz de 29, morador de Jundiaí, tirou a própria vida em seu apartamento, na manhã desta terça-feira (1), no Conjunto Habitacional Novo Horizonte, na avenida Henrique Brunini. De acordo com amigos, o rapaz estava desesperado atrás de emprego e com várias dívidas acumuladas.

Os vizinhos ficaram chocados com a história do rapaz, que segundo todos era uma boa pessoa e saia todos os dias atrás de trabalho. A sua situação se tornou conhecida no condomínio depois que ele pediu emprego para outro morador do local.

O corpo do jovem foi encontrado pela namorada, no apartamento. A Polícia Militar foi chamada e confirmou com os vizinhos que o jovem estava desesperado devido à falta de emprego. Ele tentou de tudo em várias empresas da região.

A Polícia Militar evitou, em menos de uma semana, dois casos de tentativa de suicídio na região de Jundiaí, sendo uma delas de desilusão amorosa (Itatiba) e outra por dívidas (Campo Limpo Paulista).

Quem está pensando em suicídio deve procurar ajuda. Pode conversar com a equipe do Centro de Valorização da Vida, no telefone (11) 4521-4141. A equipe é treinada para dar orientações e conversar.

*Com informações do Jornal da Região (Jundiaí)

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247