Relator diz que se Bolsonaro vetar ajuda aos estados e municípios, estará fechando hospitais

O relator do Projeto de Lei Complementar de ajuda federal a estados e municípios, aprovado nesta segunda-feira na Câmara dos Deputados, reagiu à ameaça do governo de vetar a proposta

Jair Bolsonaro e plenário da Câmara dos Deputados
Jair Bolsonaro e plenário da Câmara dos Deputados (Foto: Alan Santos/PR | Luis Macedo/Câmara dos Deputados)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O deputado Pedro Paulo (DEM-RJ), relator do projeto de lei que dá ajuda aos estados e municípios em caso de perda de receita por conta da crise do coronavírus, disse que se Bolsonaro vetar ele estará fechando postos de saúde, UPAs 24 horas, hospitais estaduais e municipais e causando o atraso no pagamento dos médicos. 

Pedro Paulo acha que Bolsonaro terá que sancionar o projeto e critica o ministro da economia, Paulo Guedes por sugerir o veto. 

As declarações foram feitas ao jornalista Chico Alves, colunista do UOL.
 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247