Salles exclui participação da sociedade civil em comissão que trata do desmatamento

Mudança no regulamento da na Comissão Executiva para Controle do Desmatamento Ilegal e Recuperação da Vegetação Nativa (Conaveg) - que amplia a participação do governo federal e exclui a sociedade civil - foi assinada pelo ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles

Ricardo Salles
Ricardo Salles (Foto: Mauricio Vieira/Secom)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, formalizou o aumento do poder do governo federal e a redução da atuação da sociedade civil na Comissão Executiva para Controle do Desmatamento Ilegal e Recuperação da Vegetação Nativa (Conaveg). A mudança no regimento do colegiado foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) nesta segunda-feira (3). 

“Poderão ser convidados para participar de reuniões específicas da CONAVEG, sem direito a voto, especialistas e representantes de órgãos e entidades públicas, do setor privado e da sociedade civil”, diz um trecho do novo regulamento da Conaveg.

Segundo reportagem da coluna Painel, do jornal Folha de S. Paulo, entre os anos de 2017 e 2019, a comissão atuava diretamente na recuperação de matas nativa e sua composição contava com titulares da sociedade civil e dois suplentes, além de representantes dos estados por meio da Associação Brasileira de Entidades Estaduais de Meio Ambiente (Abema) e dos municípios pela Anama.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247