Sem Lula, brancos e nulos vencem, diz diretor do Datafolha

"Nas situações em que Lula (PT) é excluído da disputa, brancos e nulos superam Jair Bolsonaro (PSL), candidato que lidera, em nove pontos percentuais. Mesmo a prisão do petista não alterou o quadro significativamente, ao menos na pesquisa estimulada, na qual o ex-presidente é relacionado como candidato. Lula lidera com folga tanto no primeiro quanto no segundo turno", aponta Mauro Paulino, diretor do Datafolha

Sem Lula, brancos e nulos vencem, diz diretor do Datafolha
Sem Lula, brancos e nulos vencem, diz diretor do Datafolha (Foto: Ricardo Stuckert)

247 – O diretor do Datafolha, Mauro Paulino, afirma que, numa eleição sem Lula, o eleitor brasileiro preferiria o nada. "Nas situações em que Lula (PT) é excluído da disputa, brancos e nulos superam Jair Bolsonaro (PSL), candidato que lidera, em nove pontos percentuais. Mesmo a prisão do petista não alterou o quadro significativamente, ao menos na pesquisa estimulada, na qual o ex-presidente é relacionado como candidato. Lula lidera com folga tanto no primeiro quanto no segundo turno", diz ele (leia aqui).

Ou seja: se o golpe vier a cumprir mais uma de suas etapas, o resultado será uma eleição completamente atípica, com eleitorado apático e um futuro presidente com pouca legitimidade.

 

Conheça a TV 247

Mais de Brasil

Ao vivo na TV 247 Youtube 247