Solnik: crise enfraquece Bolsonaro e fortalece mais ainda os generais

Ao avaliar a tensão que instalou-se no Planalto entre o ex-Secretário Geral da Presidência, Gustavo Bebianno, e o clã Bolsonaro, que culminou com sua demissão, o jornalista Alex Solnik aponta que o governo "enfrenta sua primeira crise de forma desastrosa"; "Bolsonaro sai mais enfraquecido e os generais mais fortalecidos após o escândalo com Bebianno", aponta o jornalista; assista 

Solnik: crise enfraquece Bolsonaro e fortalece mais ainda os generais
Solnik: crise enfraquece Bolsonaro e fortalece mais ainda os generais

247 - O programa Boa Noite 247 desta segunda-feira abordou a demissão do Secretário-Geral da República, Gustavo Bebianno. Sua exoneração ocorreu apenas nesta segunda-feira (19) e gerou uma grande crise no Planalto. Em seu lugar ingressará o general Floriano Peixoto. 

Ao avaliar a tensão que instalou-se no Planalto entre Bebianno e o clã Bolsonaro, o jornalista Alex Solnik avalia que o governo "enfrenta sua primeira crise de forma desastrosa". "Bolsonaro sai mais enfraquecido e os generais mais fortalecidos após o escândalo com Bebianno", aponta. 

Solnik diz ainda que sua maior preocupação "é a entrada de mais um general no Planalto". 

O jornalista Paulo Moreira Leite destaca o envolvimento de Bebianno em esquemas escusos: "Ele coordenou uma campanha presidencial (de Bolsonaro) envolta em esquemas de laranjas e fake news". 

Na opinião de Moreira Leite, Bebianno somente irá falar se for atacado. "E Bolsonaro, com algum senso que ainda lhe resta, sabe disso e não irá atacá-lo, está tentando apaziguar a situação". 

Inscreva-se na TV 247 e confira:

Conheça a TV 247

Mais de Brasil

Ao vivo na TV 247 Youtube 247