STF revoga autorização para senador Gurgacz viajar para o Caribe

O ministro Alexandre de Moraes revogou a autorização para que Acir Gurgacz, senador em prisão domiciliar, viaje ao Caribe em férias, conforme havia autorizado a Justiça do Distrito Federal

senador Acir Gurgacz
senador Acir Gurgacz
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, revogou a autorização para que Acir Gurgacz, senador em prisão domiciliar, viaje ao Caribe em férias.

De acordo com o G1, o ministro atendeu ao pedido da Procuradoria-geral da República que apontou que a viagem era incompatível com a punição a Gurgacz.

A viagem estava prevista para ocorrer entre 17 de julho e 3 de agosto. Gurgacz justificou que o passeio seria durante o recesso parlamentar e paga com recursos próprios, "sem nenhum prejuízo aos cofres públicos".

A autorização para que o senador Acir Gurgacz pudesse viajar de férias em um resort na ilha de Aruba, no Caribe, foi dada pela Justiça do Distrito Federal, com parecer favorável do Ministério Público do DF. 

“Embora esteja recolhido em regime de prisão domiciliar, o sentenciado está em cumprimento de pena privativa de liberdade, o que é francamente incompatível com a realização de viagem a lazer. Não há nenhuma justificativa fática ou legal para conceder-se ao sentenciado autorização dessa natureza, com prejuízo da regular execução da pena imposta, que deve ser cumprida com rigor, moralidade e efetividade”, afirmou a procuradora-geral, Raquel Dodge.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247