TCU avalia empenhar R$ 1 bi em bens da família Odebrecht

Ministros do TCU analisam, nesta quarta-feira (19), a possibilidade de determinar o bloqueio de cerca de R$ 1 bilhão dos controladores do grupo Odebrecht e desconsiderar a existência da construtora como empresa; medida tem como objetivo assegurar a reparação integral de danos resultantes do pedido de recuperação judicial feito pelo grupo

TCU avalia empenhar R$ 1 bi em bens da família Odebrecht
TCU avalia empenhar R$ 1 bi em bens da família Odebrecht (Foto: TCU | Reuters)

Os ministros do Tribunal de Contas da União (TCU) analisam, nesta quarta-feira (19), a possibilidade de determinar o bloqueio de cerca de R$ 1 bilhão dos controladores do grupo Odebrecht e desconsiderar a existência da construtora como empresa. A medida tem como objetivo assegurar a reparação integral de danos resultantes do pedido de recuperação judicial feito pelo grupo nesta terça-feira (18). (Leia mais no Brasil 247)

Segundo reportagem da Folha de S. Paulo, o foco dos debates está em uma auditoria do TCU nas obras da Refinaria Presidente Getúlio Vargas (Repar) da Petrobrás que apontam para a formação de cartel. Segundo o TCU, os prejuízos aos cofres públicos somam R$ 1,27 bilhão. 

Ainda segundo a reportagem, desde o ano passado a Justiça estaria tentando sem sucesso cumprir o bloqueio determinado pelo tribunal, tendo conseguindo o bloqueio de cerca de dez imóveis. 

Conheça a TV 247

Mais de Brasil

Ao vivo na TV 247 Youtube 247