Temer desiste de criar Ministério da Segurança

A informação foi publicada pelo colunista Lauro Jardim; reuniões e estudos preliminares, que envolveram os ministérios da Defesa e da Justiça, além do Gabinete de Segurança Institucional, apontaram que, a criação da pasta atrapalharia as atividades de combate à violência no momento

A informação foi publicada pelo colunista Lauro Jardim; reuniões e estudos preliminares, que envolveram os ministérios da Defesa e da Justiça, além do Gabinete de Segurança Institucional, apontaram que, a criação da pasta atrapalharia as atividades de combate à violência no momento
A informação foi publicada pelo colunista Lauro Jardim; reuniões e estudos preliminares, que envolveram os ministérios da Defesa e da Justiça, além do Gabinete de Segurança Institucional, apontaram que, a criação da pasta atrapalharia as atividades de combate à violência no momento (Foto: Leonardo Lucena)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O governo Michel Temer desistiu de criar o Ministério da Segurança Pública, de acordo com informações publicadas pelo colunista Lauro Jardim nesta segunda-feira (5).

A gestão atual tinha como objetivo centralizar numa única pasta tudo relacionado ao combate à criminalidade.

Ainda segundo o texto, reuniões e estudos preliminares, que envolveram os ministérios da Defesa e da Justiça, além do Gabinete de Segurança Institucional, apontaram que, a criação da pasta atrapalharia as atividades de combate à violência que estão em curso.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247