Temer quer trocar ajuda a prefeitos por apoio à reforma da Previdência

Em crise financeira, prefeituras querem que o governo Michel Temer injete dinheiro no Fundo de Participação dos Municípios, proposta que será levada nesta quarta-feira (22) ao peemedebista pelo presidente da Confederação Nacional de Municípios (CNM), Paulo Ziulkoski, em encontro no Palácio do Planalto; segundo a coluna Expresso, Temer prometeu a deputados pedir à equipe econômica uma avaliação sobre o assunto, mas, em troca, quer o engajamento dos prefeitos na luta pela aprovação da reforma da Previdência, rejeitada pela ampla maioria da população e defendida pelo presidente mais impopular do mundo

Em crise financeira, prefeituras querem que o governo Michel Temer injete dinheiro no Fundo de Participação dos Municípios, proposta que será levada nesta quarta-feira (22) ao peemedebista pelo presidente da Confederação Nacional de Municípios (CNM), Paulo Ziulkoski, em encontro no Palácio do Planalto; segundo a coluna Expresso, Temer prometeu a deputados pedir à equipe econômica uma avaliação sobre o assunto, mas, em troca, quer o engajamento dos prefeitos na luta pela aprovação da reforma da Previdência, rejeitada pela ampla maioria da população e defendida pelo presidente mais impopular do mundo
Em crise financeira, prefeituras querem que o governo Michel Temer injete dinheiro no Fundo de Participação dos Municípios, proposta que será levada nesta quarta-feira (22) ao peemedebista pelo presidente da Confederação Nacional de Municípios (CNM), Paulo Ziulkoski, em encontro no Palácio do Planalto; segundo a coluna Expresso, Temer prometeu a deputados pedir à equipe econômica uma avaliação sobre o assunto, mas, em troca, quer o engajamento dos prefeitos na luta pela aprovação da reforma da Previdência, rejeitada pela ampla maioria da população e defendida pelo presidente mais impopular do mundo (Foto: Leonardo Lucena)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Em crise financeira, prefeituras querem que o governo Michel Temer injete dinheiro no Fundo de Participação dos Municípios, proposta que será levada nesta quarta-feira (22) ao peemedebista pelo presidente da Confederação Nacional de Municípios (CNM), Paulo Ziulkoski, em encontro no Palácio do Planalto.

De acordo com informações divulgadas pela coluna Expresso, Temer prometeu a deputados pedir à equipe econômica uma avaliação sobre o assunto, mas, em troca, quer o engajamento dos prefeitos na luta pela aprovação da reforma da Previdência. Na avaliação de Temer, a pressão de chefes de executivos municipais sobre deputados terá impacto positivo.

A reforma da Previdência é amplamente rejeitada pela população. Segundo levantamento Vox Populi/ CUT, 85% dos brasileiros são contra a proposta defendida por Temer, o presidente mais impopular do mundo. Foi o que indicou uma pesquisa do grupo de análise política Eurasia. De acordo com os dados, coletados a partir do mês de agosto, Temer detém 3% de aprovação popular, a menor em todo o planeta.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247