Treze candidatos são presos em 4 estados e 923 urnas são trocadas

O TSE informou que até às 11h deste domingo (15) 13 candidatos foram presos em quatro estados do país. Segundo o tribunal, foram substituídas 923 urnas

Urna eletrônica chega à 12ª eleição no país sob ataque inédito
Urna eletrônica chega à 12ª eleição no país sob ataque inédito (Foto: Agência Brasil)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) lançou um boletim informando que 13 candidatos foram presos em quatro estados do país. De acordo com o tribunal, foram substituídas 923 urnas.

Segundo reportagem do portal UOL, o nome dos candidatos, cargos que concorrem e onde aconteceram as prisões não foi informado. As prisões aconteceram em: Minas Gerais (6), Goiás (2), Paraíba (1) e Sergipe (4). As ações ilícitas foram de boca de urna, uso de alto-falante e divulgação de propaganda eleitoral. Essas práticas são proibidas no dia da eleição.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247