Vídeo aponta abusos em série contra Lula

Viraliza nas redes sociais um vídeo que mostra os abusos cometidos pela operação Lava Jato contra o ex-presidente Lula; narrador lembra que Lula já teve os sigilos telefônico e bancário devassados pela Justiça; "Sabe quantas contas encontraram? Nenhuma. Sabe quantas ligações com ameaças ou combinações de quantias? Nenhuma"; "Hoje é o Lula que já perdeu a mulher, a paz. E se fosse você?", questiona a peça

Viraliza nas redes sociais um vídeo que mostra os abusos cometidos pela operação Lava Jato contra o ex-presidente Lula; narrador lembra que Lula já teve os sigilos telefônico e bancário devassados pela Justiça; "Sabe quantas contas encontraram? Nenhuma. Sabe quantas ligações com ameaças ou combinações de quantias? Nenhuma"; "Hoje é o Lula que já perdeu a mulher, a paz. E se fosse você?", questiona a peça
Viraliza nas redes sociais um vídeo que mostra os abusos cometidos pela operação Lava Jato contra o ex-presidente Lula; narrador lembra que Lula já teve os sigilos telefônico e bancário devassados pela Justiça; "Sabe quantas contas encontraram? Nenhuma. Sabe quantas ligações com ameaças ou combinações de quantias? Nenhuma"; "Hoje é o Lula que já perdeu a mulher, a paz. E se fosse você?", questiona a peça (Foto: Aquiles Lins)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Viraliza nas redes sociais um vídeo que mostra os abusos cometidos pela operação Lava Jato contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. "Nunca foi apresentada nenhuma prova de que o apartamento do Guarujá é dele. 73 testemunhas já disseram que ele é inocente", diz o texto.

O narrador lembra que Lula já teve os sigilos telefônico e bancário devassados pela Justiça. "Sabe quantas contas encontraram? Nenhuma. Sabe quantas ligações com ameaças ou combinações de quantias? Nenhuma".

"Hoje é o Lula que já perdeu a mulher, a paz. E se fosse você?", questiona a peça.

Assista acima.  

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247