Weintraub diz que Enem pode ser suspenso em 2021 por falta de dinheiro

O ministro da educação afirmou em ofício ao Ministério da Economia que o Enem de 2021 pode ser suspenso por falta de dinheiro e ainda aponta para o risco de fechamento de campi, cursos e até instituições inteiras por falta de recursos

Abraham Weintraub
Abraham Weintraub (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O ministro da Educação, Abrahan Weintraub, encaminhou ofício ao ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmando que o Enem de 2021 pode ser suspenso por falta de dinheiro e ainda aponta para o risco de fechamento de campi, cursos e até instituições inteiras por falta de recursos.

“Ressalta-se que, dentre os programas que correm risco de não serem continuados, encontra-se o consagrado Exame Nacional do Ensino Médio – Enem, e soma-se a esse prejuízo o fechamento de cursos, campi e possivelmente instituições inteiras, comprometendo a educação superior e a educação profissional e tecnológica – EPT, mantidos com a política de Custeio de Universidades e Institutos”, diz o ministro no ofício, obtido pelo jornal GLOBO.

A medida reforça as denúncias de lideranças estudantis e de profissionais da educação que apontam para a política de desmonte da Educação por parte do governo Jair Bolsonaro.

O ofício de Weintraub é parte das discussões internas do governo a respeito da Lei Orçamentária de 2021. O Orçamento é enviado ao Congresso em agosto. O Ministério da Economia disponibilizou ao MEC R$ 18,7 bilhões para o ano que vem.

“O atual montante de recursos consignados no referencial monetário para 2021 poderá prejudicar seriamente diversas políticas públicas, entre elas, as ligadas à educação básica, além de afetar gravemente com possibilidade de interrupção de políticas voltadas para educação superior e exames”, escreveu Weintraub.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247