Weintraub envia ofício às escolas pedindo 'cuidado' com 'doutrinação' e 'propaganda partidária'

O Ministério da Educação rebatizou o Escola Sem Partido, chamando de "Escola de Todos", ao encaminhar a todas as escolas públicas um ofício com orientações que ele diz que é para a “melhora do ambiente escolar” que pede "cuidado" com o que o governo chama de “doutrinação” e “exposição à propaganda político-partidária”

(Foto: Divulgação)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O ministro da Educação, Abraham Weintraub, infomrou que o ministério encaminhou a todas as escolas públicas do país, um ofício com orientações que ele diz que é para a “melhora do ambiente escolar” e na lista inclui cuidados com o que o governo chama de “doutrinação” e “exposição à propaganda político-partidária”.

A medida foi batizada pelo governo como "Escola de Todos", mas se assemelha ao "Escola Sem Partido", proposta apresentada por grupos de direita que contraria o direito à educação, a liberdade de ensino e impõe a perserguição e censura.

O ministro negou que o  ofício tenha se inspirado do Escola Sem partido. “É uma escola de todos, plural, que visa a trazer o ambiente de paz, e não o ambiente de cerceamento, de vigilância. A gente está tentando buscar o meio termo, o que os americanos chamariam de common ground”, disse.

O ofício foi enviado aos secretários estaduais e municipais de educação, além das associações de ambas as categorias – Consed e Undime, respectivamente.

“Estamos pedindo para cada secretaria, para as comunidades buscarem o bom senso. A gente não quer cercear o direito de ninguém. A gente quer reforçar o direito de todos, principalmente das crianças, a terem um ambiente sadio, evitando bullying, um ambiente que gere automutilação e até mesmo suicídio”, declarou o ministro Weintraub.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email