Weintraub quer levar para o MEC dinheiro recuperado na Lava Jato

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, quer contornar parte da crise financeira da pasta com o dinheiro recuperado na Operação Lava Jato

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O ministro da Educação, Abraham Weintraub, quer contornar parte da crise financeira da pasta com o dinheiro recuperado na Operação Lava Jato.  

A coluna Painel da Folha de S.Paulo informa que o Ministério da Educação elabora proposta para reivindicar o uso de valores recuperados da Petrobras pela Lava Jato.   

Weintraub faz pressão junto ao ministro Alexandre de Moraes, do STF, a destinar ao MEC pelo menos uma parte dos R$ 2,5 bilhões que foram pagos em multa pela estatal.   

O ministro da Educação abordou também o chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, sobre o projeto.  

O MEC pretende obter o dinheiro sem o aval do Congresso, onde já tramita um projeto de lei sobre o assunto.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247