Após cinco semanas, ritmo de propagação da Covid-19 volta a subir no Brasil

Índice indica que transmissão está fora de controle; país registrou quase 12 mil novos pacientes em 24 horas

UTI de hospital em Porto Alegre (RS) em meio à pandemia de coronavírus
UTI de hospital em Porto Alegre (RS) em meio à pandemia de coronavírus (Foto: REUTERS/Diego Vara)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Nara Lacerda, Brasil de Fato - A propagação do novo coronavírus voltou a dar indícios de descontrole no Brasil após cinco semanas. De acordo com relatório do Imperial College de Londres, a estimativa de transmissibilidade ficou acima de 1 na última semana. Isso significa que cada 100 infectados podem contaminar mais de 100 pessoas e a relação segue crescendo a cada novo paciente.

O ritmo de contágio no Brasil não superava esse patamar desde setembro. O resultado atual não permite conclusões  concretas sobre uma eventual nova tendência de maior velocidade na circulação do vírus. No entanto, vale ressaltar que o país tem índices de isolamento inferiores a 50% desde junho, segundo a startup de tecnologia e geolocalização Inloco. 

Nesta terça-feira (3), o total de infectados pelo coronavírus desde o primeiro registro no Brasil chegou a 5.566.049 pessoas. Em 24 horas, desde a segunda-feira (2), foram confirmados 11.843 novos pacientes. Os dados foram divulgados pelo Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass). Ainda de acordo com o Conass, a covid-19 já matou 160.496 pessoas em território nacional. Mais de 240 óbitos foram registrados em um dia. 

Trata-se de uma extensa família de vírus causadores de doenças tanto em animais como em humanos. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS). Em humanos, os vários tipos de vírus podem provocar infecções respiratórias que vão de resfriados comuns, como a síndrome respiratória do Oriente Médio (MERS), a crises mais graves, como a Síndrome Respiratória Aguda severa (SRAS). O coronavírus descoberto mais recentemente causa a doença covid-19.

A campanha “Vamos precisar de todo mundo” é uma ação de solidariedade articulada pela Frente Brasil Popular e pela Frente Povo Sem Medo. A plataforma foi criada para ajudar pessoas impactadas pela pandemia da covid-19. De acordo com os organizadores, o objetivo é dar visibilidade e fortalecer as iniciativas populares de cooperação.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247