Brasil tem maior média de mortes diárias por coronavírus no mundo

Com mais de 7 mil mortes em uma semana, média brasileira superou a dos EUA e Reino Unido, países que tiveram os maiores números absolutos de óbitos até agora

Coveiros com trajes de proteção enterram homem morto pela Covid-19 em cemintério em São Paulo 04/06/2020
Coveiros com trajes de proteção enterram homem morto pela Covid-19 em cemintério em São Paulo 04/06/2020 (Foto: REUTERS/Amanda Perobelli)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Fórum - Nos últimos sete dias, o Brasil registrou 7.096 mortes por coronavírus, o que configura em uma média de 1.013 por dia. Com isso, o país agora concentra a maior média de óbitos provocados pela doença em todo o mundo, superando países como Estados Unidos e Reino Unido. A informação é do jornalista Ricardo Galhardo, no Estado de S.Paulo.

Os EUA, que possui o maior número de óbitos pela pandemia até o momento, registrou no mesmo período 5.762 mortes, média de 823 por dia. Já o Reino Unido, que ocupa o segundo lugar na lista de óbitos, teve 1.552 mortes nos últimos sete dias, uma média de 221 por dia.

O modelo matemático utilizado pela Casa Branca, nos Estados Unidos, para projetar o avanço do coronavírus no país e no mundo, diz que o Brasil deve se tornar epicentro da doença no dia 29 de julho. Nesse dia, o Brasil teria 137,5 mil mortos e os EUA, 137 mil.

Leia a íntegra na Fórum. 

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo APOIA.se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247