China financiará acesso da América Latina à sua vacina contra Covid-19

Chanceler chinês, Wang Yi, anunciou créditos da ordem de US$ 1 bilhão para países da América Latina e Caribe comprarem vacinas contra a Covid-19 produzidas pelo país asiático

Pessoa manipula frasco com etiqueta nomeando vacina contra Covid-19.
Pessoa manipula frasco com etiqueta nomeando vacina contra Covid-19. (Foto: REUTERS/Dado Ruvic)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Sputnik - A China concederá um crédito de US$ 1 bilhão (R$ 5,38 bilhões) para países da América Latina e Caribe comprarem vacinas contra a Covid-19, informou o Ministério das Relações Exteriores do México.

O anúncio foi feito pelo chanceler chinês, Wang Yi, em uma videoconferência com seus homólogos da região, dedicada à cooperação contra a pandemia.

O encontro, presidido por Wang e pelo ministro das Relações Exteriores do México, Marcelo Ebrard, contou com a participação de representantes de Argentina, Barbados, Chile, Colômbia, Costa Rica, Cuba, República Dominicana, Equador, Panamá, Peru, Trinidad e Tobago e Uruguai.

"Em específico, o chanceler chinês destacou que a vacina desenvolvida em seu país será um bem público de acesso universal e que a China destina um financiamento de US$ 1 bilhão para apoiar o acesso de nações da região à vacina", salienta a declaração.

O presidente da China, Xi Jinping, anunciou em maio, durante a 73ª sessão da Assembleia Mundial da Saúde, que seu país concederá US$ 2 bilhões (R$ 10,2 bilhões) ao longo de dois anos para apoiar a resposta contra o coronavírus e o desenvolvimento socioeconômico dos países afetados, especialmente aqueles em desenvolvimento.

Entre outras medidas, a China vai cooperar com a ONU para construir em seu território um depósito e um centro de resposta humanitária global, garantir a operação das cadeias de abastecimento de insumos contra a epidemia e estabelecer "corredores verdes" para agilizar o transporte e os despachos aduaneiros.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo APOIA.se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247