Espanha iniciará amplo programa de vacinação contra COVID-19 em janeiro

A Espanha iniciará um programa abrangente de vacinação contra o coronavírus em janeiro, disse neste domingo (22) o primeiro-ministro espanhol, Pedro Sánchez

Coronavírus na Espanha
Coronavírus na Espanha (Foto: NACHO DOCE / REUTERS)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Sputnik - Segundo o primeiro-ministro espanhol, Pedro Sánchez, a expectativa é de que em três meses uma parte substancial da população esteja imunizada contra o vírus. 

"A campanha começará em janeiro e terá 13.000 pontos de vacinação", disse Sánchez em entrevista coletiva após cúpula do G20, segundo a agência Reuters. 

"Uma parte muito significativa da população poderá ser vacinada, com todas as garantias, no primeiro trimestre do ano", acrescentou o chefe de governo. 

Plano completo de vacinação

Sánchez disse ainda que a Espanha e a Alemanha serão os primeiros países da Europa a ter um plano completo de vacinação colocado em prática. 

Vários países do continente sofrem com uma segunda onda da COVID-19. Após a Europa ser o epicentro da doença, os casos diminuíram e os governos começaram a relaxar as medidas de isolamento. No entanto, diante do novo cenário, restrições à circulação, a viagens e ao comércio voltaram a ser impostas. 

'Meses difíceis pela frente'

De acordo com Sánchez, a vacinação começará com "grupos prioritários" e mais professionais de saúde serão contratados. 

"Temos alguns meses difíceis pela frente, mas o roteiro foi traçado", disse o premiê. 

Segundo levantamento da Universidade Johns Hopkins, a Espanha registra mais de 1,55 milhões de casos do novo coronavírus, com aproximadamente 42.500 mortes. Na Europa, o único país mais atingido pela pandemia é a França, que tem 2,17 milhões de casos e cerca de 48 mil óbitos. 

A Itália, por sua vez, é o terceiro país do continente com mais casos, cerca de 1,4 milhões, mas o primeiro em número de mortes, com quase 50 mil. 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247