Esposa de Tom Hanks relata uso de cloroquina contra coronavírus: "efeitos colaterais extremos"

Rita Wilson foi tratada com cloroquina e fez um alerta sobre os efeitos do uso do medicamento. "Senti muita náusea, tonturas e meus músculos ficaram tão fracos que eu não podia andar", afirmou

Rita Wilson e Tom Hanks
Rita Wilson e Tom Hanks (Foto: Instagram/Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Em participação no programa This Morning, no canal CBS, a esposa do ator Tom Hanks, Rita Wilson, contou como foi seu processo de recuperação após ter sido, juntamente com seu companheiro, diagnosticada com o novo coronavírus.

“Eu me sentia muito cansada, dolorida, desconfortável, não queria que ninguém me tocasse”, relatou.

Quando a febre atingiu 39 graus, a também atriz e produtora foi tratada com cloroquina, substância que, apesar de ainda estar em fases de testes, está sendo administrada em pacientes com Covid-19 e sendo amplamente divulgada por Jair Bolsonaro e pelo presidente norte-americano, Donald Trump, como remédio contra o coronavírus.

“Me deram a cloroquina para diminuir a febre, o que de fato aconteceu. Porém, o remédio causou efeitos colaterais extremos. Senti muita náusea, tonturas e meus músculos ficaram tão fracos que eu não podia andar", disse Rita Wilson.

Ela ainda fez um alerta sobre o uso do medicamento. “Precisamos ter muito cuidado com essa medicação. Ainda não temos certeza se é segura para esse tipo de tratamento".

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247