Itália tem maior número de curados de Covid-19 em um dia

De acordo com a Defesa Civil, foram 2.563 recuperações de Covid-19 nas últimas 24 horas, elevando para 42.727 o total de curados, uma alta de 6,4% na comparação com os dados da quinta-feira (16), quando foram 2.072 curados

(Foto: Reuters)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

(ANSA) - A quantidade de pessoas curadas do novo coronavírus (Sars-CoV-2) na Itália voltou a subir nesta sexta-feira (17) e atingiu o mais alto número desde o início da pandemia.

De acordo com a Defesa Civil, foram 2.563 recuperações nas últimas 24 horas, elevando para 42.727 o total de curados, uma alta de 6,4% na comparação com os dados da quinta-feira (16), quando foram 2.072 curados.

Os casos ativos, que descontam aqueles que foram curados ou que morreram, atingiram a marca de 106.962 pessoas, uma alta de 355 em números totais desde ontem.

O aumento de 0,3% é o mais baixo em termos relativos desde o início da divulgação dos dados, iniciados em fevereiro. Desses, 25.786 estão se recuperando com sintomas da doença e 78.364 estão em isolamento domiciliar. Ao todo, 172.434 italianos contraíram a Covid-19.

O número de mortes diárias foi de 575, uma alta de 2,6% em relação a quinta, mas ainda dentro da média dessa semana. Ao todo, são 22.745 vítimas da Covid-19 no país.

Pelo 14º dia consecutivo, houve queda no número de pessoas internadas nas Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) - em nível nacional e na Lombardia, a mais afetada pela pandemia. Nesta sexta, há 2.812 pessoas internadas nessas unidades, 124 a menos do que ontem. Na Lombardia, são 971 hospitalizados nas UTIs, 61 a menos do que quinta.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247