Mundo ultrapassa marca de mais 2 milhões de mortes por Covid-19

Dados do painel da Universidade Johns Hopkins, nos EUA, apontam que o mundo registrou nesta sexta-feira a trágica marca de mais de dois milhões de mortes causadas pela Covid-19

Coveiros com trajes de proteção enterram pessoa que morreu infectatada pelo novo coronavírus
Coveiros com trajes de proteção enterram pessoa que morreu infectatada pelo novo coronavírus (Foto: REUTERS/Amanda Perobelli)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Sputnik - Nesta sexta-feira (15), a pandemia da COVID-19 ultrapassou a marca de dois milhões de mortes ao redor do planeta.

A cifra foi confirmada segundo os dados do painel da Universidade Johns Hopkins, instituição norte-americana que vem compilando informações globais sobre a pandemia desde o início da crise sanitária. Conforme a instituição a pandemia matou um total de 2.000.905 pessoas até o momento.

A chegada à marca de dois milhões de óbitos mostra que a pandemia continua acelerando. O número de um milhão de mortes foi registrado no dia 28 de setembro, cerca de nove meses desde as primeiras mortes na crise sanitária global. Já o segundo milhão veio pouco mais de quatro meses depois.

O número de casos confirmados da doença também segue crescendo de forma acelerada. Nesta sexta-feira (15) são 93.363.092 de diagnósticos confirmados da doença ao redor do mundo. Em setembro, eram cerca de 33 milhões.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email