Portugal pode ficar sem leitos para tratamento da Covid-19

Dados do Ministério da Saúde mostraram que, dos 850 leitos de UTI alocados para casos de COVID-19, um recorde de 843 leitos já estavam ocupados

Garçom aguarda por clientes em restaurante no centro de Lisboa durante a pandemia do novo coronavírus (COVID-19) em Portugal
Garçom aguarda por clientes em restaurante no centro de Lisboa durante a pandemia do novo coronavírus (COVID-19) em Portugal (Foto: Rafael Marchante/Reuters)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Sputnik – Portugal informou neste sábado (30) que tinha apenas sete leitos vagos em unidades de terapia intensiva (UTIs) instaladas para casos de COVID-19.

O país enfrenta um surto de infecções tão intenso que as autoridades precisaram enviar alguns pacientes em estado grave para as ilhas portuguesas, escreve a Reuters.

Dados do Ministério da Saúde mostraram que, dos 850 leitos de UTI alocados para casos de COVID-19, um recorde de 843 leitos já estavam ocupados. O país de 10 milhões de pessoas tem 420 leitos de UTI adicionais para pacientes com outras doenças.

​O ministério disse que o número de infecções diárias foi de 12.435, caindo em relação ao recorde de quinta-feira (21), enquanto houve 293 mortes.

Portugal, que até agora registrou um total de 12.179 mortes e 711.018 casos de COVID-19, tem a maior média nos últimos sete dias de casos e mortes per capita do mundo.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email