Um dia depois de permanecer no cargo, Mandetta publica artigo técnico defendendo isolamento social

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, publica nesta terça-feira, artigo técnico defendendo o isolamento social como forma de prevenir e controlar a propagação do coronavírus. O isolamento social é exatamente o pomo da discórdia entre ele e Jair Bolsonaro

(Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Um dia após ter permanecido no cargo apesar da tentativa de Jair Bolsonaro de afastá-lo, Luiz Henrique Mandetta assina nesta terça-feira (7), um relatório técnico com um grupo de cientistas e técnicos do ministério em que reforça a importância do isolamento social para combater o avanço do novo coronavírus no País.

O texto tem como primeiro autor o infectologista Julio Croda, pesquisador da Universidade Federal do Mato Grosso do Sul (UFMS) e da Fiocruz, e que até o fim de março era diretor do Departamento de Imunização e Doenças Transmissíveis do ministério. 

Também assinam o texto outros técnicos da pasta, como o secretário de Vigilância, Wanderson de Oliveira, informa O Estado de S.Paulo.

“Vários modelos matemáticos mostraram que o vírus potencialmente estará circulando até meados de setembro, com um pico importante de casos em abril e maio. Assim, existem preocupações quanto à disponibilidade de unidades de terapia intensiva (UTIs) e ventiladores mecânicos necessários para pacientes hospitalizados com covid-19, bem como a disponibilidade de testes de diagnóstico específicos, particularmente RT-PCR (o molecular, tipo mais preciso de exame) em tempo real, para a detecção precoce da covid-19 e a prevenção de transmissão subsequente”, escrevem os autores na Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email