Ameaçado de processo, amigo de Temer se retrata diante de Aderbal Freire-Filho

Jornalista Gaudêncio Torquato divulgou no Facebook que o diretor captou mais de R$ 2 milhões pela Lei Rouanet; ele reconheceu que a informação correta, com base no site do MinC, é que a Casa de Teatro foi autorizada a captar pela lei a soma para as peças “As centenárias” e “O púcaro búlgaro”, ambas dirigidas por Aderbal; “Fica claro que Aderbal, a quem respeito como ator e diretor, não fez a captação, e sim a empresa, que tem como sócias as atrizes Marieta Severo e Andrea Beltrão”

Jornalista Gaudêncio Torquato divulgou no Facebook que o diretor captou mais de R$ 2 milhões pela Lei Rouanet; ele reconheceu que a informação correta, com base no site do MinC, é que a Casa de Teatro foi autorizada a captar pela lei a soma para as peças “As centenárias” e “O púcaro búlgaro”, ambas dirigidas por Aderbal; “Fica claro que Aderbal, a quem respeito como ator e diretor, não fez a captação, e sim a empresa, que tem como sócias as atrizes Marieta Severo e Andrea Beltrão”
Jornalista Gaudêncio Torquato divulgou no Facebook que o diretor captou mais de R$ 2 milhões pela Lei Rouanet; ele reconheceu que a informação correta, com base no site do MinC, é que a Casa de Teatro foi autorizada a captar pela lei a soma para as peças “As centenárias” e “O púcaro búlgaro”, ambas dirigidas por Aderbal; “Fica claro que Aderbal, a quem respeito como ator e diretor, não fez a captação, e sim a empresa, que tem como sócias as atrizes Marieta Severo e Andrea Beltrão” (Foto: Roberta Namour)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – Ameaçado de processo por Aderbal Freire-Filho, o jornalista Gaudêncio Torquato, amigo de Michel Temer, se retratou. Ele divulgou no Facebook que o diretor captou mais de R$ 2 milhões pela Lei Rouanet.

Agora, segundo o colunista Ancelmo Gois, reconheceu que a informação correta, com base no site do MinC, é que a Casa de Teatro foi autorizada a captar pela lei a soma para as peças “As centenárias” e “O púcaro búlgaro”, ambas dirigidas por Aderbal.

“Fica claro que Aderbal, a quem respeito como ator e diretor, não fez a captação, e sim a empresa, que tem como sócias as atrizes Marieta Severo e Andrea Beltrão”, disse.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247