"Amélie Poulin" vai virar musical na Broadway

Filme francês que fez sucesso no mundo todo em 2001, "O Fabuloso Destino de Amélie Poulin" terá na Broadway uma adaptação que ficará a cargo do compositor norte-americano Dan Messe

Filme francês que fez sucesso no mundo todo em 2001, "O Fabuloso Destino de Amélie Poulin" terá na Broadway uma adaptação que ficará a cargo do compositor norte-americano Dan Messe
Filme francês que fez sucesso no mundo todo em 2001, "O Fabuloso Destino de Amélie Poulin" terá na Broadway uma adaptação que ficará a cargo do compositor norte-americano Dan Messe (Foto: Gisele Federicce)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

PARIS, 23 Ago (Reuters) - "O Fabuloso Destino de Amélie Poulin", filme francês que fez sucesso no mundo todo em 2001, vai virar musical na Broadway, com uma adaptação a cargo do compositor norte-americano Dan Messe.

A montagem é parte de uma tendência na Broadway de adaptar filmes de sucesso para o formato de musical cênico. "Matilda", "O Rei Leão" e "Billy Elliot" já tiveram esse destino.

"Amélie", filme alto-astral ambientado no bairro parisiense de Montmartre e dirigido pelo francês Jean-Pierre Jeunet, conta a história de uma excêntrica garçonete que se empenha em fazer o bem para os outros, mas sofre para encontrar o amor.

Indicado a cinco Oscars, vendeu 23 milhões de ingressos no mundo todo e impulsionou a carreira da atriz Audrey Tatou. Foi o filme francês de maior sucesso fora da França até ser destronado por "Intocáveis", no ano passado.

Muitos críticos, no entanto, o achavam açucarado demais, e a trilha musical composta por Yann Tiersen também foi recriminada. Messe garante que o musical será bem diferente, sem recorrer às valsas tocadas em piano e acordeão.

"Não estou interessado em fazer música parisiense. Acho que nem vou usar acordeão na minha trilha", disse ele em uma recente entrevista à revista norte-americana Paste.

(Reportagem de Natalie Huet)

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email