CBF confirma data e local dos últimos amistosos da Seleção Brasileira em 2019

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) confirmou os próximos amistosos da Seleção Brasileira, feminina e masculina, em 2019. As equipes vão disputar dois jogos antes de encerrar o ano, e os resultados são importantes para analisar o futuro das equipes. Enquanto a sueca Pia Sundhage inicia os trabalhos com as jogadoras e busca formar um time, o treinador Tite sofre pressão para mostrar serviço com a equipe masculina. Os dois profissionais passam por momentos distintos dentro de campo.

Após a demissão de Vadão e a chegada de Sundhage, o Brasil já ganhou uma nova cara. As vitórias contra Inglaterra, por 2 a 1, e Polônia, por 3 a 1, já mostraram uma mudança de comportamento do time feminino. A reformulação planejada pela sueca está começando a acontecer e dá sinais de que pode ser um sucesso. O principal objetivo é conseguir um bom resultado dentro de campo nas Olimpíadas de Tóquio em 2020.

Porém, é preciso pensar ainda em 2019. A CBF confirmou que a Seleção Brasileira vai entrar em campo nos dias 7 e 11 de novembro. O Torneio Internacional de Futebol Feminino da China vai acontecer na cidade de Chongqing e colocará Brasil, China, Canadá e Nova Zelândia para se enfrentarem. A equipe brasileira vai estrear contra as canadenses e depois deve enfrentar uma das outras duas equipes.

É apenas um torneio amistoso e de pouca importância em questão de conquista, mas que será um bom teste. A Seleção Brasileira ainda está passando por uma reformulação e os jogos são essenciais para rodar o elenco. Pia Sundhage já afirmou que precisa melhorar o sistema defensivo do time e enfrentar rivais mais fortes é essencial para tal. O Canadá e a China possuem dois elencos fortes ofensivamente.

Pressão na equipe masculina

Enquanto a equipe feminina está iniciando um novo trabalho, Tite completa três anos no comando do Brasil com alguma pressão. A derrota para o Peru, assim com os empates contra Colômbia, Senegal e Nigéria, deixaram a equipe em uma sequência de quatro jogos sem vencer e levantaram dúvidas quanto ao Mundial de 2022. No dia 26 de outubro, as cotações de aposta esportiva online colocavam a Seleção como principal favorita ao título, tendo 18,2% de chance de vencer. Porém, o pouco futebol coloca um ponto de interrogação na possibilidade.

O Brasil vai fazer dois amistosos, ainda em 2019, para tentar encerrar o ano por cima. No dia 15 de novembro, os convocados de Tite vão até Riade, na Arábia Saudita, para um clássico contra a Argentina. Já no dia 19, em Abu Dhabi, a Seleção encara a perigosa Coreia do Sul. Serão duas partidas complicadas, mas que podem dar um novo ânimo ao trabalho do treinador com o elenco.

As duas seleções, a masculina e a feminina, passam por momentos diferentes, mas têm objetivos parecidos. A temporada de 2020 deve ser cheia para todos, com diferentes títulos na disputa e muita responsabilidade. Os torcedores brasileiros são exigentes quando o assunto é futebol e, por isso, a pressão deve ser cada vez maior, principalmente no trabalho de Tite, que já possui algum tempo no cargo.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247