Diretor da Funarte pretende entregar Teatro Glauce Rocha à companhia evangélica

O Projeto de Revitalização da Rede Federal de Teatros, criado por Roberto Alvim, diretor do Centro de Artes Cênicas da Funarte, prevê que o Teatro Glauce Rocha, no centro do Rio, seja transformado "no primeiro teatro do país dedicado ao público cristão"

(Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O Projeto de Revitalização da Rede Federal de Teatros, criado por Roberto Alvim, diretor do Centro de Artes Cênicas da Funarte, prevê que o Teatro Glauce Rocha, no centro do Rio, seja transformado "no primeiro teatro do país dedicado ao público cristão". Roberto Alvim, que se tornou diretor da Funarte, conseguiu alguma notoriedade depois de chamar Fernanda Montanegro de sórdida por "deturpar os valores mais nobres de nossa civilização, denegrindo nossa sagrada herança judaico-cristã".

De acordo com documentos que constam de processo aberto na Funarte, o espaço será entregue à Companhia Jeová Nissi, grupo de orientação evangélica fundado em 2000. O processo afirma que o país vive um “momento crucial no combate cultural”. Segundo o texto, é preciso que o governo do presidente Jair Bolsonaro “atue firme e propositivamente na área da arte e cultura, hoje dominada pelo marxismo cultural e pela agenda progressista”.

Leia a íntegra na Revista Forum

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247