Em 48 horas, Zé de Abreu arrecada R$ 20 mil para pagar Albert Einstein

A campanha "Ninguém solta a mão do Zé de Abreu!" foi lançada no domingo, dia 7, em uma plataforma na internet e em apenas 48 horas arrecadou o valor de uma indenização que o ator terá de pagar ao hospital Albert Einstein

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O ator José de Abreu lançou uma campanha virtual para pagar uma indenização ao hospital Albert Einstein e em apenas 48 horas o valor de R$ 20 mil foi atingido.

O ator publicou nas redes sociais um comentário que associava a facada em Bolsonaro a uma suposta conspiração envolvendo o Mossad, serviço secreto israelense, e o hospital. Apesar de ter apagado a postagem, ele foi acionado pelo hospital e perdeu em primeira instância. Zé de Abreu poderá recorrer da decisão.

"Teremos um governo repressor, cuja eleição foi decidida numa facada elaborada pelo Mossad, com apoio do Hospital Albert Einstein, comprovada pela vinda do PM israelense, o matador e corrupto Bibi. A união entre a igreja evangélica e o governo israelense vai dar merda", escreveu ele, na ocasião.

A campanha "Ninguém solta a mão do Zé de Abreu!" foi lançada no domingo, dia 7, em uma plataforma na internet. A vaquinha será encerrada, oficialmente, apenas em outubro.

Na página da internet, o ator informa que pagará o hospital e o excedente juntamente e doará o excedente para instituições que cuidam de crianças e idosos.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247