Ex-secretário de fomento à cultura, André Porciuncula, que queria a 'Rouanet pró-armas', diz que a lei é 'fast food da esquerda'

O ex-PM André Porciuncula, que pretendia usar R$ 1 bilhão da Lei Rouanet para conteúdo pró-armas, resolveu dizer em tom de crítica que essa legislação é o "Big Mac" da esquerda

www.brasil247.com - André Porciuncula
André Porciuncula (Foto: Reprodução / Agência Brasil)


247 - Ex-secretário de fomento à Cultura no governo Jair Bolsonaro, o ex-policial militar André Porciuncula afirmou, em live na noite dessa terça-feira (9), que dinheiro obtido via Lei Rouanet de "fast food da esquerda, o Big Mac deles de todo dia". O ex-dirigente é o mesmo que pretendia usar ao menos R$ 1,2 bilhão para a divulgação de conteúdo pró-armas, através da Lei Rouanet.

O ex-secretário participou da transmissão pelas redes sociais junto com o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PL-SP). Eles resolveram atacar a cantora Daniela Mercury por causa de show da artista no dia 1 de maio durante um evento com centrais sindicais em comemoração ao Dia do Trabalhador. Na ocasião, os movimentos manifestaram apoio ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Sem provas, Eduardo insinuou que a cantora usava laranjas para captar dinheiro pela Lei Rouanet. Porciuncula destacou que a cantora captava dinheiro por meio da Califórnia Produções.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

De acordo com a Folha de S.Paulo, a cantora afirmou, por meio de sua assessoria, que é sócia da Califórnia Produções e "ainda que não fosse não haveria qualquer violação à Lei Rouanet, já que sua regulamentação autoriza que empresas façam a representação de artistas, inclusive para apresentação e execução de projetos".

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cita também uma norma publicada pelo governo Bolsonaro, que afirma: "não é configurado como intermediação a representação exclusiva de um artista ou grupo artístico por pessoa jurídica com vínculo contratual prévio". "Dito isso, fica clara a má fé das insinuações feitas na live", conclui a assessoria da cantora.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email