Governo mascara números de bolsas no exterior

Ministério da Educação passou a computar entre os alunos do Ciência sem Fronteiras, programa internacional de estudos, os bolsistas regulares da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, órgão de incentivo à pesquisa; presidente Dilma Rousseff prometeu enviar 101 mil estudantes para o exterior até 2015 – em fevereiro, a parcela chegou a 22,6 mil 

Governo mascara números de bolsas no exterior
Governo mascara números de bolsas no exterior (Foto: Roberto Stuckert Filho)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Há pelo menos um mês e meio, o Ministério da Educação passou a computar entre os alunos do Ciência sem Fronteiras, programa de estudo no exterior, os bolsistas regulares da Capes (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior), órgão de incentivo à pesquisa.

Segundo a Folha, no comunicado, a Capes alega que a migração é para "fins operacionais", "com o objetivo de oferecer isonomia no tratamento dispensado aos seus beneficiários".

Lançado em 2011, o Ciência sem Fronteiras foi uma das promessas pessoais da presidente Dilma, que estabeleceu a meta de enviar 101 mil bolsistas para o exterior até 2015.

O objetivo foi considerado irrealista: antes do programa, tinha cerca de 4 mil bolsistas. Até fevereiro, já haviam sido concedidas 22.646 bolsas do Ciência sem Fronteiras, das quais 19.601 começaram a ser pagas.

As bolsas regulares e o Ciência sem Fronteiras oferecem remuneração semelhante, mas a seleção e a aceitação internacional são diferentes. O programa também engloba uma parcela menor das áreas de conhecimento, ao praticamente excluir as ciências humanas.

O programa está sob responsabilidade de Aloizio Mercadante (Educação), que aspira concorrer ao governo paulista ou assumir a Casa Civil em 2014.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247