Luísa Sonza pede justiça por Mariana Ferrer durante Prêmio Multishow

"Quando se trata de nós, culpado e vítima são invertidos. Quando se trata de nós, o tamanho do vestido importa mais que a nossa voz”, disse a cantora ao citar o caso Mariana Ferrer

Luísa Sonza e Mariana Ferrer
Luísa Sonza e Mariana Ferrer (Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A cantora Luísa Sonza usou sua visibilidade durante o Prêmio Multishow nesta quarta-feira (11) para citar o caso Mariana Ferrer e denunciar a cultura do estupro presente no Brasil. 

"Quando se trata de nós, culpado e vítima são invertidos. Quando se trata de nós, o tamanho do vestido importa mais que a nossa voz. A gente está pedindo respeito. Vocês não vão mais nos calar. Justiça por Mari e por todas nós", disse, segundo reportagem do portal UOL. 

Mariana Ferrer foi estuprada em Florianopolis, Santa Catarina, em 2018, pelo empresário André de Camargo Aranha, que foi inocentado.O caso voltou à tona nesta semana após reportagem do site The Intercept publicar um vídeo da audiência que reuniu Mariana e mais quatro homens - o juiz, o advogado de defesa do réu, seu próprio advogado e o promotor -, na qual ela foi humilhada.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247