Lula: Sérgio Ricardo tinha uma cabeça política privilegiada e não morrerá nunca

O ex-presidente Lula lamentou a morte do compositor Sérgio Ricardo. Lula disse: “ele pensava arte, pensava música, pensava cultura, mas sobretudo pensava política e pensava o Brasil. É esse homem pleno que eu aprendi a respeitar e admirar”

Cantor e compositor Sérgio Ricardo
Cantor e compositor Sérgio Ricardo (Foto: Reprodução/Instagram)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A morte do compositor, escritor, cantor e pintor Sérgio Ricardo comoveu os brasileiros nesta quinta-feira, 23. Lula, que amigo de Sérgio, escreveu uma carta sentida. O ex-presidente afirmou: “e o lado dele era sempre o lado do povo mais humilde, mais necessitado e mais vulnerável. Para quem aprendeu a te conhecer, Sérgio Ricardo, você não morrerá nunca.”

Leia, na íntegra, a mensagem de pêsames à família do cantor escrita por Lula: 

“Eu tive o prazer e a alegria de participar de muitas reuniões, atos e conversas com Sérgio Ricardo. Ele não era apenas um cantor, não era apenas um rebelde que teve a coragem de em pleno festival quebrar o violão e jogar em cima do público que o vaiava. Aquele gesto não mostrava a rebeldia de um jovem, mostrava a maturidade de um homem, que além de cantor e compositor, tinha uma cabeça política privilegiada. Ele pensava arte, pensava música, pensava cultura, mas sobretudo pensava política e pensava o Brasil. É esse homem pleno que eu aprendi a respeitar e admirar. Com quem participei de atos, seja pra conversar com artistas, seja nas várias campanhas políticas, no mesmo palanque, conhecendo de perto a alma política do autor da trilha de Deus e o Diabo na Terra do Sol e de tantos sambas e canções de protestos sobre o nosso país. Sérgio Ricardo nasceu, cresceu e morreu representando dignidade e caráter para que todo mundo soubesse que ele tinha lado. E o lado dele era sempre o lado do povo mais humilde, mais necessitado e mais vulnerável. Para quem aprendeu a te conhecer, Sérgio Ricardo, você não morrerá nunca. Quero dar os pêsames à família de Sérgio Ricardo e saibam que nem todo irmão é um companheiro, mas todo companheiro é um grande irmão e, você, Sérgio Ricardo, foi um grande companheiro.”

Luiz Inácio Lula da Silva

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247